Em julho de 2017, tivemos uma crise em escala global com o ransomware WannaCry. Alguns meses depois dessa investida ter sido controlada, houve novos problemas com o malware Bad Rabbit.

E esses são apenas alguns dos últimos ataques — existiram muitos antes deles e diversos ocorrerão. Mas como se proteger, dada a velocidade de atualização das tecnologias? Uma saída pode ser terceirizar a segurança da informação em sua empresa.

Neste post, nós vamos falar sobre a importância de buscar uma parceria para o outsourcing de sua infraestrutura de proteção, com os benefícios que essa prática pode trazer para o seu negócio. Tome nota e boa leitura!

O problema

Com a evolução da tecnologia os sistemas ficam, cada vez mais, à mercê de invasões. A velocidade com que os sistemas são construídos pode por diversas vezes deixar falhas que podem ser aproveitadas por cibercriminosos para invadir e roubar dados das empresas.

Com a quantidade de dados interna — informações financeiras e estratégicas — e externa — dados de clientes sob a tutela da empresa — é essencial que se tomem precauções para a proteção.

A principal atitude tomada por empresas hoje com o intuito de proteger seus dados é adquirir e implantar uma solução de software e/ou hardware de segurança da informação para minimizar os riscos com invasões, fraudes e sequestros de dados.

O problema é que não bastam sistemas de proteção sem monitoramento. Se o seu uso não é feito corretamente e as políticas de segurança não são desenvolvidas por profissionais especializados, que poderão redefinir métodos e processos voltados ao máximo de segurança.

A solução

Terceirizar a gestão da segurança da informação é a opção mais lógica para uma empresa. O time de TI interno pode, muitas vezes, estar sobrecarregado com as mais diversas demandas de sua infraestrutura de serviços, não tendo tempo hábil para atender com eficiência a gestão de segurança.

Uma parceria com uma equipe externa provê profissionais especializados em implantar soluções em segurança e com experiência e know-how sobre os mais variados desafios a serem encontrados em uma gestão de proteção.

Ao contratar uma equipe terceirizada para a segurança da informação de sua empresa, esses profissionais ficarão responsáveis por toda a gestão de proteção e resposta a ataques, identificando deficiências e propondo soluções eficazes.

Os motivos para terceirizar a segurança da informação

Vamos listar alguns dos motivos principais que levam uma empresa a adotar uma parceria para gestão da segurança da informação.

Dificuldade de contratação

Um grande problema quando se mantém a gestão da segurança da informação na equipe interna é a busca por profissionais que tenham conhecimentos avançados nesse assunto para orientar os outros colaboradores e implementar soluções.

Esses profissionais são raros no mercado. Seu setor de RH pode realizar uma busca refinada nas opções existentes e dificilmente encontrará um profissional disponível. A maioria dos trabalhadores qualificados já estão empregados, não tendo interesse em mudar de emprego.

Outra opção seria realizar capacitações internas, o que também demanda um custo alto e demanda um tempo para que o profissional assimile a curva de aprendizado em segurança. A melhor opção é a terceirização, em que sua empresa poderá contar com profissionais experientes e qualificados.

Equipe pequena

Boa parte das empresas não tem grandes equipes de TI capazes de lidar com uma infraestrutura completa de tecnologia, ainda mais com as demandas de segurança.

Contratar diretamente mais profissionais para atender essa necessidade internamente encareceria o setor de TI da empresa, uma vez que profissionais especializados em segurança têm um alto custo de contratação.

A terceirização é uma maneira de desafogar o setor de TI, que poderá se dedicar às demandas estratégicas da empresa.

Atualização constante

A tecnologia evolui todos os dias, tornando muito difícil para um profissional envolvido com outras atividades e processos do setor de TI ter tempo hábil para se atualizar e conseguir tirar o máximo das soluções de segurança.

Uma equipe externa é composta de profissionais especializados em proteção de dados, trabalhando com o que há de mais moderno em segurança e atualizando-se constantemente. Desta maneira é muito mais fácil para esses profissionais obter a melhor performance das ferramentas de segurança.

Falta de know-how

Uma equipe interna não está familiarizada com todas as formas de ataque e as vulnerabilidades que podem ser encontradas nos sistemas de uma empresa. Esse problema pode se tornar uma grande dor de cabeça, já que é por meio dessas falhas que os cibercriminosos costumam agir.

O atendimento de várias empresas, nos mais diversos nichos de mercado, compõe o know-how dos profissionais qualificados de uma empresa de segurança da informação. Com esses conhecimentos acumulados, é muito mais fácil analisar informações e encontrar vulnerabilidades que devem ser evitadas.

Disponibilidade de horário

Se a sua empresa sofresse um ataque às dez horas da noite de uma sexta-feira o que aconteceria hoje? Ou você teria de convocar seus colaboradores às pressas, ou deixaria o caos se instalar até na segunda-feira pela manhã. Bom, as opções não são muito atrativas e as perdas ocorrem nas duas.

Existe uma terceira opção, que é contar com o outsourcing. Ao contratar uma empresa parceira, ela fica responsável pela segurança de seus sistemas 24 horas, e não só em horário comercial. Isso proporciona muito mais confiabilidade aos seus serviços de TI.

Certificações

Um grande número de certificações exige que a empresa atinja certos padrões e regulamentações de proteção no que diz respeito à integridade dos dados. Uma das certificações mais desejáveis estão na família da ISO 27000, que diz respeito à segurança da informação.

O framework de trabalho da plataforma da Strong Security Brasil e os processos utilizados por nós estão aderentes aos padrões de mercado, atendendo ao modelo de compliance da ISO 27000. Além disso, parte do serviço também é aderente aos requisitos de normas internacionais, o que pode ajudar a sua empresa a atender clientes estrangeiros.

Foco no negócio

Para a maioria das empresas, a TI não é um fim, e sim, um meio de manter seus modelos de negócio. Com isso o investimento em segurança com a contratação de ferramentas e profissionais não faz muito sentido comercial.

A terceirização de toda a plataforma de segurança é a melhor opção em termos empresariais, não gastando tempo gerindo ferramentas e pessoas, podendo focar recursos e energia no que realmente interessa, seu negócio.

Terceirizar a segurança da informação é a opção ideal para qualquer empresa hoje no mercado e esperamos que você possa ter verificado isso por meio dos motivos aqui apresentados.

A Strong Security Brasil tem larga experiência na gestão de segurança da informação e pode auxiliar a sua empresa a se proteger de forma eficiente. Entre em contato conosco e veja o que podemos fazer por sua empresa!